ACRÉSCIMO DE 25% PARA OUTRAS APOSENTADORIAS QUE NÃO A POR INVALIDEZ

REQUERIMENTO ADMINISTRATIVO E DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA – Em que pese não poder o INSS conceder essa extensão nas suas Agências é recomendável antes de entrar na Justiça Federal, fazer o requerimento administrativo levando consigo atestado médico atual que declare “necessitar da assistência permanente de outra pessoa para as atividades diárias.” Com a negativa em mãos, o passo seguinte é procurar um advogado especialista em previdenciário, pois o processo irá necessariamente até as instâncias superiores em Brasília.   O QUE DIZ A LEI DE BENEFÍCIOS – A Lei de Benefícios determina a concessão do acréscimo de 25% (vinte e cinco por cento)  apenas no valor da aposentadoria por invalidez do segurado que necessitar da assistência

Ler mais

BOMBA! MP739!

MPF INSTAURA PROCEDIMENTO PARA APURAR IRREGULARIDADE NA OPERACIONALIZAÇÃO DA MP 739! E AGORA INSS? QUE ACABEM COM ESTA MP QUE É CASO DE POLÍCIA !! Aqui esta o grande fundamento para que seja atacada judicialmente o procedimento espúrio, imoral e inconstitucional da MP 739 que paga 60 reais por beneficio cortado ( sim, trocando em miúdos é exatamente isso, paga 60 reais por cabeça ! O que mostra o “animus ferrandi” deste descalabro ) Vejam ! Todos os juízos de natureza jurídica e suas consequências NÃO PODEM SER exclusivos do perito-médico ou de outros técnicos, considerando que a representação judicial e extrajudicial desse INSS é de competência privativa da PGF

Ler mais