Sessão do Congresso para análise de vetos presidenciais é cancelada

Faltou quorum e provavelmente ocorra outro adiamento

Por Richard Casal

O presidente do Congresso Nacional, Renan Calheiros, decidiu cancelar, nesta terça-feira (6), por falta de quórum, a sessão conjunta (Câmara e Senado) convocada para analisar vetos presidenciais. Os itens mais polêmicos da pauta eram o veto total ao reajuste salarial de até 78,56% para os servidores do Poder Judiciário e o veto à correção das aposentadorias e pensões acima de um salário mínimo com ganhos reais.

A análise de vetos exige presença da maioria absoluta em cada uma das Casas, ou seja, pelo menos 257 deputados e 41 senadores. Calheiros chegou a suspender os trabalhos por 30 minutos para aguardar a presença mínima de deputados em Plenário. Como a ausência de deputados na Casa persistiu após meia hora, a sessão foi cancelada.

Mais cedo, líderes de partidos de oposição na Câmara pressionaram Calheiros para que a sessão fosse encerrada. Eles argumentaram que a convocação foi feita para continuar a análise dos vetos e que, regimentalmente, não havia como continuá-la sem quórum para deliberar.

A diretoria da COBAP, que encontra-se empenhada no XXIII CNAPI, também se mantém atenta a tudo que ocorre no Congresso Nacional.

 

Fonte Site da COBAP

Deixe uma resposta